Num concelho com uma taxa elevada de população idosa e dependente, o município de Chaves entendeu integrar nas suas medidas de contingência social a criação de uma linha de emergência social que pode ser acedida via telefone (276 340 508) ou via email (emergência.social@chaves.pt). Funciona entre as 8h00 e as 20h00, de segunda a sexta, com entregas às segundas, quartas e sextas.

Esta linha de apoio, gerida e financiada pela autarquia, pretende dar a oportunidade de resposta à população mais vulnerável, nomeadamente pessoas idosas e /ou portadores de deficiências que não tenham retaguarda familiar, assim como todos os que se encontram em quarentena, sobretudo população que tem chegado ao concelho nos últimos dias, no sentido de assegurar as condições mínimas de sobrevivência, com a entrega de géneros alimentares e medicamentos ao domicílio.

Em colaboração com as IPSS’s e as Juntas de Freguesia do concelho, esta rede de apoio pretende proteger os mais vulneráveis, de forma a evitar a propagação e contágio resultante das saídas de casa. Com esta medida o autarca flaviense pretende contribuir para a diminuição de possíveis cadeias de transmissão.

 

Slider